SEXTA-FEIRA DA PAIXÃO E MORTE DO SENHOR

“TENDO AMADO OS SEUS QUE ESTAVAM NO MUNDO, AMOU-OS ATÉ O FIM”. 

Comunidade Santa Rita de Cássia

A Celebração desta SEXTA-FEIRA DA PAIXÃO, 19/04/19, teve início ás 15 horas na Comunidade Santa Rita de Cássia, foi presidida pelo padre Sérgio Coldebella, pároco da paróquia Santa Rita de Cássia. Após a Celebração a pastoral dos surdos encenou a Paixão de Cristo. No final da Paixão de Cristo aconteceu o beijo da Cruz. 

Reflexão: Jesus por meio da paixão e da morte, nos comunicou o “amor maior, (...) aquele que dá sua vida pelos amigos”. Exaltado na cruz, Jesus revela a plenitude do amor misericordioso, que transforma a morte em fonte de vida e salvação. Sua entrega faz jorrar a vida nova no Espírito, que nos leva a testemunhar a verdade que liberta e proporciona a construção de um mundo novo de justiça e fraternidade. O seu testemunho de amor, justiça e verdade leva a transformar as situações de egoísmo, violência e morte em vida plena. A sua presença como Servo Sofredor, indica o caminho para entregarmos a vida nas mãos do Pai, nos momentos de provação, a fim de permanecermos a serviço no amor e na gratuidade. O Papa Francisco sublinha que Jesus, com a cruz, se une ao silêncio das vítimas que já não podem gritar, sobretudo, os inocentes e indefesos. Com a cruz, Jesus se une às famílias que se encontram em dificuldades, que choram a trágica perda de seus filhos. 

Fotos: Comunidade Santa Rita